Relações à distância funcionam ou não?

Relações à distância

As relações à distância normalmente demonstram as que valem a pena das que não passam apenas de um passatempo para os envolvidos! Os relacionamentos amorosos nem sempre correm bem, e até podem ter amor mas a distância pode acabar com tudo, ou então dar mesmo muito trabalho e ser uma questão de quilómetros superada!

Como fazer relações à distância funcionarem?

É preciso haver muito amor entre um casal para que a relação à distância funcione mesmo, mas mais do que isso, terá que ter empenho e determinação. “Longe da vista, longe do coração” já dizia o ditado, mas há sempre formas de manter a chama acesa quando queremos!

  1. Ciúmes – Se é uma pessoa ciumenta então terá que trabalhar muito nisso, porque estando longe a pessoa não pode estar sempre a enviar-lhe mensagens ou a ligar. Há tempo para tudo, e se não tiverem arranjem! Não seja desconfiado/a, não faça demasiadas questões nem filmes na sua cabeça com coisas que não existem. Quem estiver do outro lado terá que seguir o mesmo conselho e acima de tudo, sejam sempre verdadeiros um com o outro. Se forem sair não mintam a dizer que estão em casa, haverá sempre a possibilidade de uma fotografia aparecer numa Rede Social e acredite que ai haverá mesmo discussão.
  2. Questões principais a resolver – Quando estão em relações à distância os envolvidos deverão de ter em mente que há várias questões que precisam de ser resolvidas, tais como: Com que frequência é que se irão falar? Quantas vezes por semana ou por mês se irão ver? Como deverão de resolver os problemas que são necessários resolver enquanto casal?
  3. Dinheiro – Quando estão envolvidos em relações à distância por uma questão de conseguir ganhar e guardar dinheiro, há algo que deve de ser discutido antes de tomar a decisão de ir trabalhar para fora. O facto do casal estar separado durante alguns meses pode até fortalecer o relacionamento amoroso, mas se a relação não for forte o suficiente então deverá de ponderar bem tudo o que envolve esta separação temporária. Enquanto casal deverão de ter uma conta conjunta onde esse dinheiro deverá de ser depositado todos os meses, ambos verão o esforço ser compensado!
  4. Combinações a curto prazo – Não vale a pena marcar encontros com um ou dois meses de antecedência, pois poderá haver um imprevisto e não estarão juntos na data combinada. O facto de passarem muito tempo separados fará com que se sinta mais insegura/o, como tal não criem expectativas quanto a um futuro longínquo, vão marcando encontros semanais assim será mais fácil e não haverá decepção.
  5. Amigos e amigas – É bom que tenha um forte grupo de amigos para conseguir aguentar a saudade que terá da sua cara metade. Mas mais importante ainda será que não pare a sua vida porque o outro não está presente, mas saiba sempre respeitar o seu relacionamento! As relações à distância poderão funcionar sem problema desde que consiga lidar com as saudades e apesar de ter um variado leque de amigos, não deixe que seja algo demasiado intimo (se é que me faço entender!).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *